Viracopos registra recorde de movimentação de carga em outubro

Cidades

Com o aumento das movimentações nas importações, exportações e cargas domésticas, o Aeroporto Internacional de Viracopos, em Campinas, registrou em outubro o maior movimento de carga (em peso) para um mês desde o início da concessão, em 2012, com um total de 27.886 toneladas. A maior marca anterior havia sido registrada em setembro deste ano, com 23.896 toneladas.  

Com 206,1 mil toneladas já movimentadas no acumulado entre janeiro e outubro deste ano, Viracopos deve fechar 2020 com movimentação recorde para um ano desde o início da concessão. O valor mais alto anteriormente para o acumulado de 365 dias foi em 2018, com um total de 241,3 mil toneladas. 

Na importação, a alta de outubro chegou a 27,8% em relação ao mesmo mês de 2019, com um total de 12,5 mil toneladas, ante 9,8 mil de 2019. Com isso, outubro é o melhor mês até agora no ano para a importação. 

A exportação também apresentou nova alta, chegando a 36,3% em relação ao mesmo mês do ano passado, com 7,4 mil toneladas enviadas para fora do país ante 5,4 mil de 2019.

Já as cargas domésticas, que circulam dentro do país, apresentaram o melhor mês do ano com alta de quase 10% em outubro em relação a setembro, somando 6,6 mil toneladas. No acumulado do ano, este setor apresentou 45,14% de alta em relação ao mesmo período de 2019.  

Já foram processadas neste ano 42,9 mil toneladas de cargas domésticas ante 29,6 mil do mesmo período de 2019. 

TECA Viracopos 

Atualmente, o Terminal de Carga (TECA) de Viracopos é o maior em carga importada no país. O aeroporto é responsável por movimentar quase 40% do total de importações.

Foto: Divulgação/Viracopos

Deixe uma resposta