Alerta para baixa umidade relativa do ar

Cidades

A Defesa Civil alertou para a condição de baixa umidade relativa do ar em Indaiatuba. O índice chegou abaixo de 20% na segunda-feira (1) e na quarta-feira (3), quando o nível aceitado pela Organização Mundial de Saúde gira entre 40% e 70%.
“Quanto mais quente o ar nos períodos nos períodos de longa estiagem, menor a umidade do ar. Além da condição prejudicar a dispersão de gases poluentes, a baixa umidade do ar pode causar prejuízos à saúde como dor de cabeça, rinites alérgicas, sangramento nasal, garganta seca e irritada, sensação de areia nos olhos que ficam vermelhos e congestionados, ressecamento da pele, cansaço.
A Defesa Civil orienta que nesta condição as pessoas tomem alguns cuidados, tais como: beber muito líquido, evite exercícios físicos entre às 10 e 16h, lave as mãos com frequência e evite colocá-las na boca e no nariz e aplicar soro no nariz e olhos”, explica o coordenador da Defesa Civil, Paulo Cesar Feijão.

Foto: Divulgação/Eliandro Figueira-PMI

Deixe uma resposta