Sancetur/SOU deve receber R$ 10 milhões de subsídio em Limeira

Cidades

Além de manter os serviços com os 120 ônibus, os recursos também visam bancar frota adicional para evitar superlotação, segundo lei sancionada.

O prefeito de Limeira Mário Celso Botion (PSD), sancionou no último dia 18, a Lei 6.398 aprovando a liberação de até R$ 10 milhões de subsídio para a empresa Sancetur – Santa Cecília Turismo Ltda, denominada SOU Limeira, que também é responsável pela operação do sistema de transporte coletivo urbano de Indaiatuba (SOU Indaiatuba) e de outras cidades, como forma de garantir a continuidade dos serviços.

“A programação operacional especial dos serviços a ser definida pela Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana, levará em consideração não apenas o quantitativo efetivo da demanda a ser transportada, mas também a quantidade adicional de veículos necessários a evitar aglomerações no interior dos ônibus e terminais de integração, sobretudo nos horários de pico.”, diz trecho da lei aprovada pelos vereadores.

O subsídio vai ser utilizado enquanto durar o estado de emergência, diante da crise gerada pelo avanço da pandemia do coronavírus que ocasionou queda na demanda de passageiros.

Os valores serão repassados para cobrir a diferença entre os custos e a arrecadação. Pelo documento, serão utilizados como base os valores gastos em óleo diesel, mão de obra e encargos, manutenção e insumos aplicados na operação.

Segundo a administração municipal, a Sancetur atua em Limeira regularmente com 120 ônibus e outros seis para atender pessoas com deficiência.

Foto: Divulgação/PML

Deixe uma resposta