Após quase 3 anos de atraso, Casa da Memória será entregue

Cidades

A obra iniciada em outubro de 2015, com valor previsto de R$ 5 milhões, tinha prazo de um ano para conclusão

A construção que foi iniciada na gestão do ex-prefeito Reinaldo Nogueira Lopes Cruz (PV) em outubro de 2015, tinha prazo previsto de um ano para conclusão dos serviços. O investimento previsto inicialmente era de R$4.936.479,01. A reportagem não conseguiu informações atualizadas do custo efetivo da obra.
A Casa da Memória será inaugurada no próximo dia 27 às 10h na Rua Vitória Régia no Jardim Pompéia e abrigará a Biblioteca Municipal Rui Barbosa e os Arquivos Municipais, Permanente e Intermediário da Fundação Pró-Memória.
O prédio tem quatro pavimentos: o pavimento inferior, que terá acesso pela Rua das Camélias, abrigará a biblioteca, a administração e o almoxarifado.
O primeiro pavimento, também com acesso pela Rua das Orquídeas, terá o acesso público, a recepção, sala de consulta, arquivo permanente, copa, sala de leitura interna e sala de leitura externa. Já o segundo pavimento, cujo acesso é exclusivo pela parte interna, abrigará o arquivo intermediário.
Todos os pavimentos oferecerão sanitários para funcionários e sanitários públicos acessíveis. Também estava previsto a instalação de dois elevadores, sendo um deles interno de serviços e outro externo do tipo panorâmico para o público.
A área total do terreno é de 2.720,00m² e o prédio tem 3.221,65m². A área útil de arquivo será de 1.807,64m². A construtora responsável pela execução da obra foi a Almeida & Associados Construções e Empreendimentos Ltda.

Foto: Divulgação/Eliando Figueira-PMI

Deixe uma resposta