Peça ‘Quero Viver’ abre a 4ª Mostra de Artes Cênicas de Indaiatuba

Cultura

A partir deste mês, a Secretaria de Cultura organiza a 4ª Mostra de Artes Cênicas. A primeira peça será apresentada no próximo dia 22 (sexta-feira) às 20h no Ciaei (Centro Integrado de Apoio à Educação de Indaiatuba) com o monólogo de André Chiarioni “Quero Viver”, da Trupe Cênica Brasil. A entrada é gratuita.
O monólogo retrata a vida de um jovem que sofre um acidente de carro após ingerir grande quantidade de drogas. Já em estado inconsciente ele vem para contar sua história, revivendo toda a sua trajetória até o momento do acidente. “Quero Viver é uma mensagem de vida diante da morte, com a intenção de levar o expectador à reflexão do cotidiano e do mundo que o cerca, afirma André.
Conta ainda com a intervenção de outra personagem, que ressalta as angústias do personagem central da peça. Após a apresentação os atores abrem espaço para um bate papo com a plateia.
A 4ª Mostra de Artes Cênicas tem como objetivo a formação continuada em artes cênicas além de incentivar o interesse da população pelas artes e suas manifestações. A ação contará com a apresentação de grupos de teatros amadores, estudantis, companhias de produções teatrais formados e sediados em Indaiatuba e demais convidados pela Secretaria.
A mostra será composta pela apresentação de 22 peças teatrais no decorrer do ano. Em agosto serão exibidas nove peças de diferentes grupos teatrais amadores, cujas apresentações serão comentadas por profissionais da área. As datas e locais das apresentações serão divulgadas posteriormente. Confira 13 das 22 peças que integrarão a Mostra de Artes Cênicas 2019, as demais serão definidas e divulgadas posteriormente.

Peças

Quero Viver – Trupe Cênica Brasil, Os Atores – Bem Casados – A Comédia, Mármores – Grupo de Teatro Estrada, Angulimala – Coletivo Fleuma, Ponte Rio-São Paulo – Grupo de Teatro Estrada, P. U. M – O circo dos Objetos Inúteis – Grupo de Palhaços Gandaiá, Gestos de Equilíbrio – Coletivo Fleuma, O Fantástico Mistério de Feiurinha – Cia Teatral Valeu a Pena, A proposta – Grupo de Teatro Slèz, O Livro Mágico – Grupo de Teatro Fântaso, Brosogó, Militão e o Diabo – Grupo de Palhaços Gandaiá, Stefany – Grupo de Teatro Fântaso e O Gato de Botas – Cia Teatral Valeu a Pena.

Foto: Divulgação

Deixe uma resposta