Topázio Cinemas recebe projeto Sessão Vitrine Petrobras

Cinema

O Topázio Cinemas tem mais uma novidade para quem gosta de filmes. A partir deste mês, as salas no Shopping Jaraguá Indaiatuba passarão a integrar o projeto Sessão Vitrine Petrobras. No interior de São Paulo, o Topázio Cinemas será o primeiro e único a receber o projeto.
O projeto Sessão Vitrine Petrobras foi criado em 2011 e tem por objetivo divulgar, de forma coletiva, um recorte da produção audiovisual contemporânea. Por isso, mensalmente promove exibição tanto de filmes nacionais quanto de coproduções internacionais.
No Topázio Cinemas, duas sessões únicas ocorrerão todos os meses, na quinta-feira e no sábado subsequente. Ambas serão exibidas em horários a serem definidos e divulgados mensalmente. A estreia do projeto em Indaiatuba será na próxima quinta-feira (16) às 19h30, com o filme “Unicórnio”. Neste dia, o diretor Eduardo Nunes estará presente para um bate-papo após a sessão. A reprise do filme acontecerá no sábado (18). Um dos diferenciais do projeto é o valor do ingresso, com preço único de R$ 10 por pessoa.
Para a gerente de marketing do Topázio Cinemas, Bruna Mascarenhas, o projeto vem para somar com outras iniciativas já desenvolvidas. “Receber a Sessão Vitrine Petrobras é um orgulho para o Topázio, já que somente duas cidades no estado de São Paulo faziam parte do projeto até então. Além disso, esta novidade tem tudo a ver com a proposta do Topázio de também dar espaço a diversos tipos de filmes e incentivar o debate pós-sessão, como já ocorre nos projetos Cineclube e Assista Mulheres, por exemplo”, declara.

Projeto

O projeto Sessão Vitrine Petrobras busca proporcionar ao público cinema de qualidade, com originalidade, fomentando a relação entre espectador e o ato de ir ao cinema. Por meio de sessões com debates, o projeto investe na formação de novas plateias para fortalecer o circuito audiovisual com um todo.
Criado há sete anos, inicialmente com o nome “Sessão Vitrine”, em sua primeira edição o projeto foi reconhecido como o melhor evento cinematográfico do ano, segundo a Associação de Críticos de Cinema do Rio de Janeiro. A proposta sempre foi priorizar filmes brasileiros e coproduções internacionais que despertem interesse do público, seja pela inovação, viés autoral ou pela qualidade e originalidade ao se posicionar propositivamente diante de aspectos da cultura brasileira.
Para esta edição do projeto, já há mais de dez títulos escolhidos para exibição. Os filmes estarão nas salas de cinema em mais de 20 cidades brasileiras. No estado de São Paulo, as sessões ocorrem apenas na capital paulista; em Santos, no litoral sul; além de Indaiatuba, no interior.

Deixe uma resposta